Início > Notícias > Artistas declaram solidariedade ao MST e manifestam preocupação com o RS
Artistas declaram solidariedade ao MST e manifestam preocupação com o RS

O Movimento Humanos Direitos (MHuD), que tem desenvolvido uma série de atividades em prol da paz e dos direitos humanos, manifestou “perplexidade e preocupação” com o relatório do Ministério Público do Rio Grande do Sul, que pede a dissolução do MST.

O Movimento Humanos Direitos (MHuD), que tem desenvolvido uma série de atividades em prol da paz e dos direitos humanos, manifestou "perplexidade e preocupação" com o relatório do Ministério Público do Rio Grande do Sul, que pede a dissolução do MST.

A nota, assinada pela diretora geral da entidade Dira Paes, afirma que a luta do MST pela terra é motivo de orgulho". Fazem parte da organização, entre outros nomes reconhecidos na sociedade, Bete Mendes, Camila Pitanga, Carlos Vereza, Chico Diaz, Letícia Sabatella, Marcos Winter, Osmar Prado e Wagner Moura.

Leia abaixo a nota:

"As ONGs que militam na defesa dos direitos humanos e a sociedade civil organizada receberam com perplexidade e preocupação a informação de que o Governo do Estado do Rio Grande do Sul através de seu procurador deu entrada na Justiça com pedido de ilegalidade e encerramento das atividades do MST.

A democracia recente existente no Brasil após mais de duas décadas de obscuridade não comporta que os movimentos sociais que buscam melhores condições de dignidade aos cidadãos brasileiros sejam criminalizados por contrariar interesses econômicos transnacionais ou áulicos defensores de modelos neoliberais

A luta do MST pela terra é motivo de orgulho para todos os brasileiros que defendem igualdade de oportunidade a todos e que pensam em um projeto para o Brasil que seja capaz de acolher seu povo com prioridade em relação aos projetos econômicos hegemônicos.

Aos companheiros do MST nossa solidariedade, respeito e a certeza de que essa luta sempre será para valer".

Dira Paes
Diretora Geral
Movimento Humanos Direitos

Veja também