Início > Notícias > Assembléia decide intensificar greve na Ufrgs
Assembléia decide intensificar greve na Ufrgs

“Apesar de continuar a negociação, o governo federal está enrolando. É preciso intensificar a greve na Ufrgs e organizar ações que permitam maior visibilidade ao nosso movimento, principalmente uma caravana a Brasília na próxima semana.” Esta foi a principal deliberação da Assembléia Geral na manhã desta segunda-feira, dia 25.

“Apesar de continuar a negociação, o governo federal está enrolando. É preciso intensificar a greve na Ufrgs e organizar ações que permitam maior visibilidade ao nosso movimento, principalmente uma caravana a Brasília na próxima semana.”

Esta foi a principal deliberação da Assembléia Geral na manhã desta segunda-feira, dia 25, no Auditório da Faculdade de Direito.

Após a leitura do IG do Comando Nacional de Greve, com o relato da reunião com o Ministério do Planejamento na quinta-feira, dia 21, as avaliações foram unânimes: É urgente aumentar a pressão ao governo federal com ações mais radicalizadas.

A próxima reunião de negociação será na segunda-feira, dia 2 de julho. Foi aprovado encaminhar ao CNG a realização de uma caravana a Brasília neste dia para cercar o prédio do Ministério do Planejamento na busca de propostas concretas às nossas reivindicações.

Fundo de Greve

Com um voto contra e uma abstenção, cerca de 400 servidores presentes na Assembléia aprovaram uma chamada extra de 1% para o Fundo de Greve, a ser descontada na folha de julho. Também foi encaminhado que o CLG informe constantemente o demonstrativo de gastos com a greve.

Os colegas que não queiram contribuir para o movimento, devem se dirigir pessoalmente à Assufrgs. Como já ocorreu em outras greves, os colegas que não são sócios da Assufrgs e mesmo assim queiram contribuir, devem procurar a Tesouraria da entidade. Desde já queremos agradecer a estes colegas que se manifestarem para contribuir com o fundo de greve.

Veja também