Início > Notícias > Assufrgs lança nota para vestibulandos alertando para possível greve se o governo não cumprir o acordo
Assufrgs lança nota para vestibulandos alertando para possível greve se o governo não cumprir o acordo

Assufrgs lança nota para vestibulandos alertando para possível greve se o governo Lula não cumprir o acordo, conforme vem anunciando.

Conforme deliberação da reunião de Coordenação desta terça-feira, dia 8, a Assufrgs está distribuindo nesta quarta-feira uma nota para os vestibulandos, alertando para possível greve se o governo Lula não cumprir o acordo assinado em 2007, conforme vem anunciando.

Veja abaixo a íntegra da nota:

BEM VINDOS À UFRGS!

Parabéns! Em breve você ou seu ente querido estará ingressando em uma das maiores e mais importantes universidades do país. Por mais que a maioria dos governos tentem acabar com a Universidade Pública Brasileira, ela resiste, continua sendo a melhor do ensino superior e onde 90% da pesquisa do país é feita. Esta resistência foi garantida por gerações de estudantes, servidores técnico-administrativos e professores, que lutaram por verbas e contra as reformas que atacavam a universidade. Hoje, estamos vivendo mais um destes ataques.

NÓS PRECISAMOS DO SEU APOIO

Durante mais de 100 dias do ano de 2007 fomos obrigados a estar em Greve, em defesa da universidade pública e gratuita por nossos direitos. Ao cabo deste movimento, em 03/09/2007, firmamos com o Governo um Termo de Compromisso que previa para os meses de maio de 2008 (08 meses depois), julho de 2009 (01 ano e 10 meses depois) e julho de 2010 (02 anos e 10 meses depois), reajustes salariais (não são aumentos salariais) para os servidores técnico-administrativos em educação. Infelizmente, o governo tem se manifestado, com veemência, que não irá cumprir os acordos firmados com todas as categorias que estiveram em greve durante o ano de 2007, bem como realizar os concursos públicos necessários para repor o quadro de servidores técnico-administrativos e docentes.

Solicitamos que todos vocês, futuros alunos, pais, responsáveis, amigos, parentes, namorados, e demais membros da comunidade que de alguma forma interagem com a UFRGS, estejam atentos, pois este posicionamento por parte do Governo, de não cumprir o acordado com os servidores públicos federais, pode nos obrigar, mais uma vez, a entrar em greve, já no início do primeiro semestre letivo de 2008.

Contamos com o apoio de todos para pressionarmos este governo a cumprir o que combina, da mesma forma que age com bastante rigor na hora de cobrar dos cidadãos.

JUSTIÇA JÁ!
ACORDO ASSINADO DEVE SER CUMPRIDO!
EM DEFESA DA UNIVERSIDADE PÚBLICA E GRATUITA.

Veja também