Início > Notícias > Assufrgs participa do lançamento do Fórum Popular da Educação Pública Gaúcha
Assufrgs participa do lançamento do Fórum Popular da Educação Pública Gaúcha

O Fórum Popular da Educação Pública foi lançado pela segunda vez, na noite de terça-feira (7/4), na sede do Cpers-Sindicato, com a presença de várias entidades representativas de trabalhadores e da sociedade civil organizada. A Assufrgs esteve representada pelo coordenador geral Silvio Corrêa, que compôs junto com o Cpers, a Andes, a Umespa, o Grêmio [...]

O Fórum Popular da Educação Pública foi lançado pela segunda vez, na noite de terça-feira (7/4), na sede do Cpers-Sindicato, com a presença de várias entidades representativas de trabalhadores e da sociedade civil organizada.

A Assufrgs esteve representada pelo coordenador geral Silvio Corrêa, que compôs junto com o Cpers, a Andes, a Umespa, o Grêmio do Julinho, o DCE da Ufrgs, a Ugeirm, o Grêmio do Instituto de Educação e as Centrais Sindicais, a comissão encarregada de definir o calendário de atividades.

Os objetivos do Fórum são mobilizar a sociedade na defesa do direito à educação pública; debater e apresentar alternativas na perspectiva popular, discutir os fundamentos de um projeto político-pedagógico conjugando a teoria educacional com as experiência práticas. Outro importante espaço que a Assufrgs está participando é da organização da Conferência Nacional da Educação – Etapa Estadual.

Ato foi lançado duas vezes
A primeira tentativa de lançamento do Fórum virou um ato Público de protesto contra o desmonte da educação pública promovido pelo Governo Yeda. Marcado para ocorrer no auditório do Instituto de Educação, no dia 6 de março, os participantes foram surpreendidos com a ação do governo do Estado que impediu a escola de alugar o auditório para a comunidade. Foi o maior escândalo, mas demonstrou a que ponto a Governadora chega para tentar desestablizar as entidades sindicais e reprimir os movimentos sociais, já que não conta mais com o Coronel Mendes no comando da Brigada Militar.

Se você têm interesse em defender a Educação Pública Gaúcha, faça contato com a Assufrgs e participe! Esta luta é de todos nós.

Veja também