Início > Notícias > Carta de Vitória IFRS: em defesa da Educação Pública e dos Institutos Federais
Carta de Vitória IFRS: em defesa da Educação Pública e dos Institutos Federais

Mobilização em defesa da Educação ocorre na próxima quinta-feira, 29 de setembro

 

A 40ª Reunião dos Dirigentes das Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica (Reditec) teve o seu encerramento marcado pelo posicionamento de reitores, pró-reitores e diretores-gerais acerca do atual contexto da educação brasileira. Os gestores elaboraram uma carta e fizeram a sua leitura durante o evento, sendo aprovada pelo plenário da reunião. O reitor substituto, Amilton de Moura Figueiredo, e o diretor-geral do Campus Alvorada, Fábio Marçal compuseram a comissão que elaborou o documento. Leia a Carta de Vitória na íntegra.

Segundo o professor Amilton, a reunião dos dirigentes da rede federal foi pautada pela preocupação com os rumos que o governo vem dando para a educação do país. “Verificamos que a política de estado, representada pelos IFs corre riscos e neste momento se faz necessária a mobilização, numa perspectiva de discutirmos e defendermos nossas instituições e a educação pública”,afirma.

Durante os trabalhos foi aprovado o dia 29 de setembro, como o dia nacional de mobilização em defesa da educação pública. Neste dia, a comunidade acadêmica do IFRS irá discutir sobre as medidas que o governo federal vem adotando e que estão resultando na insegurança institucional.

Acompanhe o documento sobre a mobilização

 Fonte: https://goo.gl/vMVcKn

Este post ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário

Veja também