Início > Notícias > Colônia de Férias: sobra de vagas
Colônia de Férias: sobra de vagas

Sobra de vagas e inscrições para Colônia de Férias de Garopaba – 1ª turma

O Setor de Convênio da Assufrgs informa Sobra de três vagas na 1ª turma (período 28/12 A 07/01/2014).
Prazo para confirmação por ordem de procura em 30/12/2014.
Clique e confira, abaixo, os horários para as próximas turmas.
 
 
 

3 comentários para "Colônia de Férias: sobra de vagas"

  1. ROGERIO SILVA janeiro 3rd, 2015 15:52 pm Responder

    O Administrador é muito parado sem muita ação enao se interessou em unir o pessoal nas festas de Fim de Ano como fez o do ano passado o seu MAURO e segundo soube o mesmo pode colocar qtos pessoas quiser dentro de sua casa, mais acho que isto não é justo com os associados que tem seu numero máximo de 5 e se privam de ter ser animais junto e o mesmo tem um gato…que regulamento é este que defende um Administrador que é pago por nos associados e nos não temos direito a pelo menos uma água nos APTOS.

  2. Viviane Anselmo janeiro 5th, 2015 10:56 am Responder

    Colônia de férias está com sérios problemas sem coordenador, fomos chamados como suplentes da primeira turma, chegamos 6:30 na Colônia e com bom senso esperamos que o administrador de prédio acordasse para pedir a chave, 8 horas ele acordou e avisamos que estávamos esperando, de pé e com crianças, ele disse que iria tomar café, esperamos pacientemente até as 9h20min quando fui verificar o motivo da demora e o Sr. Marcelo estava bem tranquilo sentado lendo jornal, entramos no apartamento 9:30 pois ele informou que não era obrigação dele ir atrás das pessoas para entregar chaves. Esse mesmo funcionário da Colônia estava durante os dias em que ficamos em Garopaba com a casa cheia sempre, hospedando 6 pessoas. Isso é certo?

  3. Viviane Anselmo janeiro 5th, 2015 10:56 am Responder

    Colônia de férias está com sérios problemas sem coordenador, fomos chamados como suplentes da primeira turma, chegamos 6:30 na Colônia e com bom senso esperamos que o administrador de prédio acordasse para pedir a chave, 8 horas ele acordou e avisamos que estávamos esperando, de pé e com crianças, ele disse que iria tomar café, esperamos pacientemente até as 9h20min quando fui verificar o motivo da demora e o Sr. Marcelo estava bem tranquilo sentado lendo jornal, entramos no apartamento 9:30 pois ele informou que não era obrigação dele ir atrás das pessoas para entregar chaves. Esse mesmo funcionário da Colônia estava durante os dias em que ficamos em Garopaba com a casa cheia sempre, hospedando 6 pessoas. Isso é certo?

Deixe seu comentário

Veja também