Início > Notícias > Deu na mídia (CP) Ufrgs decide retomar aulas na segunda após greve de servidores e professores
Deu na mídia (CP) Ufrgs decide retomar aulas na segunda após greve de servidores e professores

Calendário prevê encomenda de matrícula entre quinta-feira e sábado

 O Conselho de Ensino Pesquisa e Extensão (Cepe) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) decidiu em reunião, na tarde desta quarta-feira, aprovar o calendário acadêmico referente ao segundo semestre. O documento, elaborado pela Pró-Reitoria de Graduação da Ufrgs, determina que as aulas comecem na próxima segunda-feira. Participaram da sessão 46 conselheiros, 35 votaram a favor, nove foram contra e dois se abstiveram.

 A encomenda de matrícula deve ser feita a partir da meia-noite desta quinta-feira até sábado pela internet, via Portal do Aluno. No domingo será feita a divulgação dos resultados. Os ajustes ocorrerão entre segunda e terça-feira da próxima semana. O calendário estabelece ainda que as aulas terminem em 16 de janeiro de 2013.

 O segundo semestre letivo na Ufrgs deveria ter iniciado no dia 6 deste mês, o que não foi possível pela retenção dos conceitos do primeiro semestre, em razão da greve dos professores, deflagrada em julho e encerrada no começo de agosto. Do dia 13 até terça-feira houve a recuperação das aulas e avaliações, além da publicação das notas no sistema, para possibilitar o processo de matrícula do segundo período letivo.

 Servidores da Ufrgs e UFCSPA decidem encerrar a greve

 Os técnico-administrativos da Ufrgs e da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA) decidiram encerrar nesta quarta-feira a greve iniciada em 11 de junho. A categoria seguiu a recomendação da Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores das Universidades Públicas Brasileiras (Fasubra) de aceitar a proposta de reajuste de 15,8% entre 2013 e 2015, feita pelo governo federal. Os servidores devem retomar as atividades na segunda-feira.

http://www.correiodopovo.com.br/Noticias/?Noticia=456818

Fonte: Correio do Povo

Este post ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário

Veja também