Início > Notícias > Dia 30 é greve geral com ato unificado!
Dia 30 é greve geral com ato unificado!

A ASSUFRGS informa que nesta sexta-feira, dia 30, o sindicato não abrirá devido à Greve Geral. Orientamos a todos os servidores a participarem, neste dia 30, do ato unificado ASSUFRGS, CPERS, Movimentos Sociais, Sindical e Estudantil. A Concentração e saída para o ato será às 10h30, em frente à FACED – campus centro.     [...]

A ASSUFRGS informa que nesta sexta-feira, dia 30, o sindicato não abrirá devido à Greve Geral. Orientamos a todos os servidores a participarem, neste dia 30, do ato unificado ASSUFRGS, CPERS, Movimentos Sociais, Sindical e Estudantil. A Concentração e saída para o ato será às 10h30, em frente à FACED – campus centro.

 

 

Pauta Específica da FASUBRA:

- 10% do PIB para Educação pública, já!;

- 10% do PIB para a Saúde pública, já!;

- Autonomia, só com democracia, democratização das IES;

- Revogação da Lei da EBSERH e fortalecimento do SUS e pela não aprovação do PLP 92/07;

- Antecipação das parcelas e STEP do acordo de greve de 2012;

- Anulação da Reforma da Previdência e prisão para os mensaleiros;

- Resultados concretos com ganhos para a categoria (sem mais adiamento) em todos os GT’s do acordo de greve: Democratização, Terceirização, Racionalização e Dimensionamento, Reposicionamento dos Aposentados;

- Ampliação dos turnos contínuos em todas as IFES para atender por mais tempo a comunidade universitária e a sociedade, com jornada de trabalho de 30 h garantido pelo decreto 4836/2003;

- Equiparação dos benefícios sociais com o maior valor praticado nos SPF’s;

- Concurso público já, pelo RJU, para todos os níveis da nossa categoria;

- Paridade entre ativos e aposentados.

 

Pauta dos SPF’s – Campanha Salarial 2013:

- Definição da Data-Base em 1º de Maio;

- Política permanente com reposição inflacionária, valorização do salário base e incorporação das gratificações;

- Antecipação imediata das parcelas do reajuste salarial do acordo de 2012

- Cumprimento por parte do Governo dos acordos e protocolo de intenções firmadas;

- Contra qualquer reforma que retire direitos dos trabalhadores;

- Retirada dos PLs, MPs, Decretos contrários aos interesses dos servidores públicos, supressão do Artigo 76 da Lei de Diretrizes Orçamentárias, que define o prazo até 31/08 para encaminhar projetos de lei que reestrutura carreira e concede qualquer tipo de reajuste aos trabalhadores;

-Paridade entre ativos, aposentados e pensionistas;

-Liberações para o exercício do mandato classista.

Temos motivos de sobra, para construir uma grande mobilização! A hora é a agora, Técnicos Administrativos em Educação Uni-Vos! Juntos, somos fortes!

Este post ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário

Veja também