Início > Notícias > Diretor da Andes denuncia golpe na entidade
Diretor da Andes denuncia golpe na entidade

O diretor da Andes Sindicato e professor da UFRGS Fernando Molinos Pires visitou a diretoria da Assurfgs para denunciar o golpe sofrido pela Andes Sindicato.




O diretor da Andes Sindicato e professor da UFRGS Fernando Molinos Pires visitou a diretoria da Assurfgs no dia 15 de setembro para denunciar o golpe sofrido pela Andes Sindicato.

Molinos relatou que no dia 6 de setembro ocorreu uma assembléia na sede da CUT em São Paulo, onde foi formado o novo sindicato dos Professores de Ensino Superior (Proifes). Segundo ele isto é uma estratégia articulada pela CUT com ajuda do Governo Federal. “Primeiro o Governo não concede o registro sindical, depois de transitado em julgado eles suspendem, por ato administrativo, o registro da entidade e aí fecha o círculo, pois sem a carta não há recredenciamento da entidade e as entidades não podem recolher contribuição sindical e perdem arrecadação”, explicou.

Molinos denunciou que a assembléia para construir o novo sindicato foi chamada por três indivíduos e realizada em menos de 12 minutos, que na frente da sede da CUT tinha vários seguranças que impediam a entrada dos docentes. Depois de muito esforço ele e mais uns colegas conseguiram entrar, mas tiveram cerceados o direito ao uso de celulares e câmeras fotográficas. “Nós temos 30 dias para questionar esta assembléia, caso a justiça não acolher eles podem entrar com o registro da entidade”, explicou Molinos.

A coordenadora da Assufrgs, Bernadete Moraes, solidária ao problema destacou que a Assufrgs passa pela mesma situação, pois está com dificuldades para receber a carta sindical.

A coordenação da Assufrgs está contribuindo com a Andes e ajudando a passar um abaixo-assinado reconhecendo a legitimidade da Andes Sindicato Nacional.

Veja também