Início > Notícias > Fasubra convoca Caravana a Brasília nos dias 25 e 26 de julho para pressionar o governo
Fasubra convoca Caravana a Brasília nos dias 25 e 26 de julho para pressionar o governo

Após avaliação do momento da Greve, dos desafios apresentados pela conjuntura e da necessidade de mobilização do conjunto da categoria, o CNG, em reunião no dia 16/07, aprovou os dias 25 e 26/07 próximos para a realização de Caravana a Brasília, tendo como centralidade a luta contra a transformação dos HUs em Fundação Estatal de Direito Privado e Pressão na celeridade da negociação em curso.

Conforme deliberação de Plenária Nacional da FASUBRA, realizada nos dias 4 e 5/05/2007, foi aprovado o envio, como atividade de Greve, de Caravanas da Base da FASUBRA a Brasília. Coube ao Comando Nacional de Greve definir qual seria a data conveniente para a realização da mesma.

Após avaliação do momento da Greve, dos desafios apresentados pela conjuntura e da necessidade de mobilização do conjunto da categoria, o CNG, em reunião no dia 16/07, aprovou os dias 25 e 26/07 próximos para a realização da referida Caravana a Brasília, tendo como centralidade a luta contra a transformação dos HUs em Fundação Estatal de Direito Privado e Pressão na celeridade da negociação em curso.

Objetivos: 

- Cobrar do governo maior celeridade maior no processo de negociação;

- Protestar contra o Projeto de Fundação Estatal de Direito Privado e o encaminhamento do PLC 92/2007 – que trata sobre o tema.

Papel da Caravana:

Dar visibilidade à Luta dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Universidades Brasileiras. 

As atividades dos (as) Caravaneiros (as) terão como ponto central de ação a Concentração na Esplanada dos Ministérios. 

O Café da Manhã será na Esplanada dos Ministérios, a partir das 8h.

Serão desenvolvidas Marchas na Esplanada dos Ministérios, particularmente no Ministério do Planejamento, Ministério da Educação e Ministério da Saúde.

As Marchas terão por tarefa: 

- Entregar no MEC e MS os Abaixo-Assinados em Defesa dos HUs. Em frente ao MEC e MS será realizada um Ato contra a Transformação dos Hospitais Universitários em Fundação Estatal de Direito Privado. 

- Em frente ao MP será realizado um Ato visando cobrar celeridade nas negociações em curso.

Veja também