Início > Notícias > FASUBRA e CNG fecham o MPOG e mostram a força do movimento
FASUBRA e CNG fecham o MPOG e mostram a força do movimento

A Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-Administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (FASUBRA) e do Comando Nacional de Greve (CNG) bloquearam hoje (19) todas as entradas do Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão. Circo Acampamento: centro de decisões do CNG na Esplanada dos Ministérios Acampados desde as 5h da manhã nas quatro [...]

A Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-Administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (FASUBRA) e do Comando Nacional de Greve (CNG) bloquearam hoje (19) todas as entradas do Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão.

mpog18_2

Circo Acampamento: centro de decisões do CNG na Esplanada dos Ministérios

Acampados desde as 5h da manhã nas quatro portas (duas principais e duas da garagem), centenas de manifestantes impediram a entrada dos servidores que chegavam para trabalhar. A decisão da ação partiu de uma reunião do CNG no circo montado na Esplanada dos Ministérios.

mpog18_6

Portas bloqueadas: ninguém entra

A maioria dos servidores que trabalham no edifício foram sensíveis ao pleito dos trabalhadores técnico-administrativos e se solidarizaram com a greve não forçando a passagem. “Entendemos que a greve é a última saída das categorias que não conseguem diálogo com o governo”, afirmou um servidor do MPOG que não quis se identificar por motivos óbvios. “A educação no Brasil precisar ser valorizada. Não só concordamos, como apoiamos o movimento”, disse outra servidora.

mpog18_5Servidores do MPOG foram sensíveis ao Ato

A intenção do Ato é mostrar para a sociedade que o governo não está interessado em negociar e que a culpa da greve ter ocorrido foi, justamente, a intransigência do Estado. “Queremos uma resposta pontual e positiva com relação à abertura de negociação. Estamos cobrando o diálogo e não cansaremos dessa luta”, afirmaram os representantes da categoria.

mpog18_4Vagas de sobra: com as entradas fechadas pelos trabalhadores, o estacionamento que costuma ficar lotado, ficou assim

Agressividade
Logo no início da manhã, policiais militares do DF chegaram para tentar coibir o movimento. Alguns trabalhadores, segundo a coordenação do ato, foram feridos no confronto. “Nossa manifestação é pacífica. Não iremos aceitar agressão física. Somos trabalhadores, só queremos ser respeitados e valorizados”, desabafou um manifestante agredido mostrando as marcas do cassetete.

mpog18_3

Momento de confronto

O policiamento é ostensivo. Dezenas de carros cercam o local do ato e o contingente faz barreira onde os trabalhadores realizam o protesto. “Não vamos nos intimidar. Nossa luta é legítima e sem violência. Estamos defendendo não só a nossa carreira, mas o futuro da educação no Brasil”, ponderou o CNG.

Por João Camilo
Jornalista

2 comentários para "FASUBRA e CNG fecham o MPOG e mostram a força do movimento"

  1. joão julho 22nd, 2012 11:36 am Responder

    Um governo legitimado pelo voto de pessoas com mínima educação formal, só pode reagir assim com trabalhadores da educação que reclamam seus direitos de fato!!!

  2. FRAGOSO julho 25th, 2012 12:00 pm Responder

    Pelo comentário acima quem não tem ensino superior ou instrução ADEQUADA não deve ter título, NÃO SABE VOTAR, sendo assim analfabeto não come, não pensa, não tem direito a protesto etc…

Deixe seu comentário

Veja também