Início > Notícias > Greves de bancários e nos Correios continuam. Veja o que fazer
Greves de bancários e nos Correios continuam. Veja o que fazer

Fonte: Folha On Line  Os bancários e os trabalhadores dos Correios em greve prometem continuar com as paralisações nesta semana. As agências dos Correios devem permanecer fechadas pelo menos até amanhã (4), quando as categorias terão novas rodadas de negociação. Para Correios, decisão judicial não impede corte de ponto de grevistas Sem diálogo, aumenta adesão [...]

Fonte: Folha On Line

 Os bancários e os trabalhadores dos Correios em greve prometem continuar com as paralisações nesta semana.

As agências dos Correios devem permanecer fechadas pelo menos até amanhã (4), quando as categorias terão novas rodadas de negociação.

Para Correios, decisão judicial não impede corte de ponto de grevistas

Sem diálogo, aumenta adesão a greve de bancários e nos Correios

Veja, abaixo, o que fazer para evitar problemas com as paralisações.

Os Correios e os trabalhadores terão audiência no TST (Tribunal Superior do Trabalho) para decidir sobre a continuidade da paralisação. A greve completa 20 dias hoje. A reunião é a primeira etapa de um procedimento com o objetivo de estabelecer um acordo no âmbito judicial. Sem consenso, o caso pode ir a julgamento.

Ao longo da última semana, não houve avanço nas negociações entre representantes dos funcionários e a direção da empresa.

Os bancários, por sua vez, prometem intensificar o movimento grevista, que completa sete dias hoje. “Queremos quebrar a intransigência dos bancos públicos e privados”, disse Carlos Cordeiro, presidente da Contraf (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeira).

O comando nacional de greve, que reclama do “silêncio” da Fenaban (Federação Nacional dos Bancos), vai se reunir em São Paulo nesta segunda-feira. Segundo a Contraf-CUT, a entidade patronal não manifestou, até agora, intenção de retomar as negociações.

De acordo com a Contraf, na sexta-feira (30), foram paralisadas 7.865 agências e centros administrativos dos bancos. Há, no país, cerca de 20 mil agências bancárias.

Este post ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário

Veja também