Início > Notícias > Grevistas, em ato, exigem avanço de verdade
Grevistas, em ato, exigem avanço de verdade

Trabalhadores da UFRGS, UFCPS e IFRS-POA realizaram ato na manhã desta quinta-feira para exigir do governo abertura de agenda de negociações para os servidores das Universidades e Institutos Federais em Greve.

 Os trabalhadores em greve das Universidades e Institutos Federais realizaram ato na manhã desta quinta-feira (15), para exigir do governo abertura da agenda de negociações por política salarial e data-base.

Os servidores já vem pressionando o governo, intensificando suas ações a partir do bloqueio ao MPOG, em Brasília, no último dia 7. Impedidos de acessar o prédio, os Secretários de Relações de Trabalho do MPOG, Sérgio Mendonça e de Ensino Superior do MEC, Paulo Speller foram obrigados a receber os grevistas que arrancaram um prazo de 15 dias para o Governo para dar retorno sobre a possibilidade de abrir uma agenda de negociações. O prazo finaliza no próximo dia 22, e neste período os trabalhadores intensificam a luta.

Na manhã de ontem, os trabalhadores em greve trancaram a entrada do Campus do Vale com pneus queimados e mostraram a sociedade as reivindicações da categoria (para ler a matéria clique aqui).

Na manhã de hoje (15), os técnico-administrativos da UFRGS, UFCSPA, IFRS-POA e IFRS-Canoas se concentraram em frente ao Barracão de Greve ao lado da FACED e seguiram até a Reitoria da UFRGS para prestar apoio e solidariedade aos estudantes que ocuparam a reitoria na manhã de quarta-feira (14). Os estudantes fizeram saudação ao movimento grevista, que seguiu em marcha, contornando o Campus da UFRGS Centro, seguiram pela João Pessoa e Salgado Filho, concentrando novamente na Esquina Democrática.

Foi realizada panfletação à sociedade, bem como intervenções sobre as reivindicações dos TAES que estão em greve há cerca de dois meses. Após atividade, os grevistas seguiram até o Paço Municipal, onde deram entrevista à TV Record. A atividade se encerrou  com palavras de ordem pela abertura da agenda de negociações, “não tem história, é greve até a vitória!”.

 

Clique aqui e confira as fotos do ato de hoje, na Galeria de Fotos da Greve

 

Um comentário para "Grevistas, em ato, exigem avanço de verdade"

  1. CAMILA TONDOLO ROMERO maio 15th, 2014 19:06 pm Responder

    Parabéns a todos os companheiros que fizeram parte desse importante ato!

Deixe seu comentário

Veja também