Início > Notícias > Luta dos aposentados pelo reequadramento terá campanha nacional da Fasubra
Luta dos aposentados pelo reequadramento terá campanha nacional da Fasubra

O GT de Aposentados da Fasubra reunido nos dias 8 e 9 de agosto, na Unb, em Brasília aprovou um conjunto de propostas de luta e definiu que a Fasubra irá desenvolver uma Campanha Nacional em Favor do Reenquadramento. O GT marcou para 7 de outubro, o Dia Nacional de Luta dos Aposentados e na [...]

O GT de Aposentados da Fasubra reunido nos dias 8 e 9 de agosto, na Unb, em Brasília aprovou um conjunto de propostas de luta e definiu que a Fasubra irá desenvolver uma Campanha Nacional em Favor do Reenquadramento. O GT marcou para 7 de outubro, o Dia Nacional de Luta dos Aposentados e na primeira semana de novembro a realização do I Congresso Nacional dos Aposentados da Fasubra.

O GT de Aposentados ficou responsável em orientar diariamente as entidades de base, através do Informe Direto (ID), e enviar um Kit de reenquadramento, com os pareceres dos conselhos das universidades que já aprovaram o processo no Consun.

A Fasubra também deverá pressionar a Andifes para que o reenquadramento seja realizado nacionalmente e tentar, a partir das universidades que já aprovaram o processo, caracterizar uma  jurisprudência.

Também foi aprovada a luta pela revisão das aposentadorias por insalubridade. Que seja mantida a paridade e os aposentados se mantenham na folha das uiversidades, na mesma fonte e rubrica.

Durante o encontro, o reenquadramento  foi tratado especificamente e percebeu-se as diferenças de encaminhamento em cada universidade. Enquanto algumas já conseguiram aprovar nos Consuns, outras ainda nem começaram a luta. Na universidade de Viçosa/MG, por exemplo, entra em votação no Consun na semana de 10 a 14 de agosto, e na universidade de Uberada, até o final do mês.

Na Ufrgs, os aposentados estão visitando os conselheiros e pedindo o apoio. “Inclusive a carta de apresentação que está sendo entregue para os diretores da Ufrgs servirá como modelo para outras universidades”, relatou a coordenadora de assuntos de aposentadoria, Salete Wiggers, que representou a Assufrgs junto com Eudira da Luz.

Participaram do GT de Aposentados cerca de 60 representantes das entidades de base de todo o país.

Veja também