Início > Notícias > Manifesto pela apuração paritária na consulta para reitor da UFRGS
Manifesto pela apuração paritária na consulta para reitor da UFRGS

Assine o manifesto e compartilhe a construção de uma UFRGS mais democrática!

É latente a necessidade de avançar na democratização do processo de consulta para reitoria da UFRGS. Já são mais de 2/3 das universidades federais que adotam um processo paritário nas suas consultas. Além disso, a própria UFRGS, em processos anteriores, já realizou consultas com percentuais diferentes do 70-15-15, demonstrando que a proporcionalidade do peso dos votos de estudantes, técnico-administrativos em educação e professores não se trata de uma questão jurídica, mas de uma vontade política.

Por isso, a partir da demanda da comunidade acadêmica, manifestada através de diversas iniciativas nos últimos anos, tais como o “Movimento Paridade 33”, o “Comitê pela Paridade” e, mais recentemente, pela carta do Encontro Universitário, realizado no sábado do dia 21 de maio, nós, que assinamos este manifesto, reivindicamos a apuração paritária do resultado da consulta para reitor da UFRGS, a ser divulgada simultaneamente à apuração definida em assento eleitoral. Ainda, declaramos como arbitrário e antidemocrático a utilização do critério na proporção de 70-15-15 para o processo de consulta para reitoria.

Para assinar o manifesto pela apuração paritária clique no link:
http://goo.gl/forms/MJOKnwhjsaScavnv2

Este post ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário

Veja também