Início > Notícias > Movimentos se unem contra massacre na Faixa de Gaza
Movimentos se unem contra massacre na Faixa de Gaza

O Comitê de Solidariedade ao Povo Palestino convida para reunião nesta sexta-feira, dia 9 de janeiro, às 10 horas, no Auditório do SEMAPI (Rua Lima e Silva n° 280). O objetivo é reunir organizações, sindicatos, partidos políticos, militantes, enfim, a todos aqueles inconformados com a barbárie que ocorre sem trégua no Oriente Médio.

O Comitê de Solidariedade ao Povo Palestino convida para reunião nesta sexta-feira, dia 9 de janeiro, às 10 horas, no Auditório do SEMAPI (Rua Lima e Silva n° 280). O objetivo é reunir organizações, sindicatos, partidos políticos, militantes, enfim, a todos aqueles inconformados com a barbárie que ocorre sem trégua no Oriente Médio. 

O retrato de Gaza é tragédia em carne crua. Pelas fotos divulgadas nas mais diversas agências, apenas o crescente cemitério de corpos e destroços compõem as desertas ruas da cidade. Dezenas de edifícios foram destruídos pelos bombardeios israelenses, entre eles a sede do Parlamento do Hamas.

A aviação israelense atingiu dezenas de alvos, incluindo túneis usados para contrabando de armas, depósitos de armamento e esquadrões de lançamento de granadas de morteiro. "Durante as trocas de tiros pela noite, dezenas de militantes armados do Hamas foram atingidos", disse um comunicado militar de Israel. 

Na busca de impedir a crescente escalada à violência promovida por Israel, e diante do injustificável silêncio da ONU (Organização das Nações Unidas), impõe-se a necessidade de intensificar as mobilizações, em todo mundo, pelo imediato cessar-fogo de Israel a Palestina.

Veja também