Início > Notícias > Regulamentação do direito de greve no serviço público está em debate na CDH
Regulamentação do direito de greve no serviço público está em debate na CDH

Direito de greve no serviço público em debate Comissão de Direitos Humanos.

A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) está reunida na manhã desta segunda-feira (24) para debater o direito de greve no serviço público. O foco da audiência pública, que conta com recursos de interatividade, são dois projetos: o PLS 287/2013, de autoria da própria CDH e fruto de uma sugestão apresentada pelo Fórum Permanente de Carreiras Típicas de Estado, e o PLS 710/2011, apresentado pelo senador Aloysio Nunes (PSDB-SP).

A proposta que veio da sociedade assegura a todos os servidores públicos civis o direito de greve. Veda, no entanto, essa possibilidade aos militares das Forças Armadas e de forças auxiliares. O projeto prevê ainda que durante as paralisações fica obrigado o atendimento às necessidades inadiáveis da sociedade.
Já o projeto do senador Aloysio Nunes, que está pronto para ser votado na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), determina a suspensão de pagamento dos salários nos dias não trabalhados. Se houver a compensação dos dias parados, os salários podem ser pagos. O projeto ainda determina que pelo menos 60% dos servidores das atividades consideradas essenciais têm que continuar no trabalho para o atendimento à sociedade.
Representantes de categorias de servidores públicos e dos ministérios do Planejamento, Orçamento e Gestão e do Trabalho em Emprego participam da reunião que está sendo conduzida pelo senador Paulo Paim (PT-RS). Fonte:

Agência Senado

Este post ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário

Veja também