Início > Notícias > Reitoria informa ao sindicato que irá divulgar a obrigatoriedade do login a todos os servidores
Reitoria informa ao sindicato que irá divulgar a obrigatoriedade do login a todos os servidores

Em reunião com a ASSUFRGS reitoria é irredutível em não discutir a imposição do modelo de controle eletrônico

Coordenadores da ASSUFRGS e Reitoria em reunião sobre o sistema de login.

A ASSUFRGS-Sindicato foi solicitada a comparecer em reunião com a Reitoria da UFRGS na manhã desta sexta-feira (10). O objetivo do encontro foi comunicar que a administração da Universidade realizou uma consulta junto à Procuradoria do Ministério da Educação acerca do login. Em resposta o MEC informou que os servidores tem que aderir à forma de controle regulamentado pela Reitoria. “O servidor que optar por um sistema que não é o indicado pela UFRGS sofrerá sanções”, concluiu Rui Oppermann. 

O Sindicato deixou clara a sua posição de não concordância com o sistema eletrônico escolhido pela UFRGS para o controle de frequência, que não possui regras claras de uso, não respeitando as particularidades das diferentes unidades da universidade e não garantindo a participação da categoria em atividades sindicais. A ASSUFRGS lembrou ainda que já havia apresentado em outras ocasiões sugestões de melhoras no regramento do sistema de frequência e não obteve retorno da administração. “Até agora não foi dado nenhum espaço de evolução do debate e por este motivo solicitamos que antes que qualquer ato administrativo seja tomado, tenhamos um período para retomar as discussões acerca das regras de uso do login, que já vem causando complicações aos servidores que se logam pelas leituras distintas por parte de chefias”, acrescentou Rui Muniz, coordenador de saúde e segurança do trabalhador da ASSUFRGS. Mariane Quadros, coordenadora geral da ASSUFRGS, ressaltou ainda que diversas universidades do país, e inclusive do estado, conseguiram chegar em soluções melhores para o controle de frequência, não havendo nenhuma contraposição do MEC. 

A reitoria entretanto se mostrou irredutível em discutir uma possível regulamentação do ponto eletrônico em conjunto com os representantes dos servidores antes de divulgar através de ofício a obrigatoriedade do login à todos os técnicos. “estou convencido que a única forma de fazer isso (regulamentação) é implementando o login de forma imediata e buscando aprimorar o sistema de forma simultânea”, concluiu Oppermann. 

Este post ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário

Veja também