Início > Notícias > Servidores aprovam em Assembleia por unanimidade Moção de repúdio a Reitoria da UFRGS pela judicialização da greve
Servidores aprovam em Assembleia por unanimidade Moção de repúdio a Reitoria da UFRGS pela judicialização da greve

  Após aprovarem na Assembleia do dia 09 de agosto, no Salão de Atos, por unanimidade uma Moção de repúdio a Reitoria da UFRGS pela judicialização da greve, o Comando Local de Greve (CLG) deliberou solicitar aos Conselheiros Técnico-Administrativos que  os mesmos fizessem a leitura da Moção de Repúdio, na reunião de hoje, dia 10 [...]

 

Após aprovarem na Assembleia do dia 09 de agosto, no Salão de Atos, por unanimidade uma Moção de repúdio a Reitoria da UFRGS pela judicialização da greve, o Comando Local de Greve (CLG) deliberou solicitar aos Conselheiros Técnico-Administrativos que  os mesmos fizessem a leitura da Moção de Repúdio, na reunião de hoje, dia 10 de agosto, no CONSUN da UFRGS.

Em atividade de greve e na expectativa da reunião de hoje, com o governo os servidores desocuparam o Salão de Atos, para que os alunos pudessem realizar as formaturas este final de semana. A intenção do movimento não é contra estudantes e  nem Administração, mas sim pela manutenção da democracia e pela qualidade do serviço público de qualidade em todo o país.

Os técnico-administrativos completando 02 meses em greve  fizeram a leitura da Moção de repúdio a Reitoria da UFRGS pela judicialização da greve, quando notificados pelo piquete instalado em via pública, na frente do Centro de Processamento de Dados da UFRGS (CPD), na última semana.

O CLG afirma que estará reunindo-se na tarde de hoje para avaliar a reunião com o governo.

Moçao leitura Consun

Este post ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário

Veja também